quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Dica de viagem: Beto Carrero World

Estava passeando nas postagens antigas e algumas das mais vistas são sobre viagens. Percebi que você adoram quando eu posto sobre destinos desse mundão, e ainda mais quando compartilho as minhas experiências por aí. Esse post já foi pedido por aqui e finalmente eu resolvi escrevê-lo. 
Hoje vou contar um pouquinho sobre a nossa Disney catarinense, hehe.
Quem aí conhece o Beto Carrero World?
Na verdade para quem mora em Santa Catarina o parque já faz parte do cotidiano. É muito provável que a maioria do povo daqui já tenha estado lá pelo menos uma vez, e aí esse post talvez não seja tão útil. Mas percebi que quem vem de fora, principalmente do centro-oeste do Brasil, se encanta com as belezas de SC, e não deixa de dar uma passadinha no maior parque multitemático da América Latina. E não é pra menos, já que ele possui diversas atrações incríveis.

Estive lá pelo menos 8 vezes e em todas elas descobri algo diferente ou fui à um brinquedo ou atração que ainda não tinha ido. O Castelo das Nações, que recepciona os visitantes, é como se fosse um local transformador, em que você chega adulto e entra no parque como se tivesse voltado à infância. Cada detalhe é pensado como um mundo mágico e não tem como não amar, independente da sua idade.
 O parque é dividido em três grandes áreas: as diversões, os shows e o zoológico. Dessa forma, muito mais que brinquedos radicais ou infantis, é possível ver shows de acrobacia, história, e humor ou ainda passear por um acervo enorme de animais. Existem áreas temáticas por todos os lados, como a Ilha dos Piratas e a Vila Germânica, em que você encontra restaurantes, lojas de souvenirs e atrações voltadas ao tema. 

No mapa que você recebe na entrada encontra todas as localizações que necessita (inclusive sanitários, pontos de encontro e serviço de bancos). Lá também estão descritas todas as atrações do parque, o horário dos shows e as atividades que são pagas a parte (são poucas e pagas normalmente porque o almoço é incluso).
De fato um dia é pouco para conhecer cada cantinho do parque, e por isso você encontra os serviços de Fast Pass (pulseirinha para filas exclusivas, mais curtas) e carrinhos, principalmente para crianças e idosos que sentem o cansaço de um dia tão intenso. Por falar em filas, é preciso dizer que elas existem sim, ainda mais agora que vai começar a temporada e por isso é preciso uma dose de paciência. Mas sabe que o parque é tão bonito que você quase não sente o tempo de espera? É só curtir o momento e fazer amizade com os colegas de fila. 
O zoológico é um mundo à parte para quem ama animais. Lá estão diversas espécias que dificilmente encontramos por aí, hehe. Algumas áreas são separadas de nós apenas por vidros, como é o caso do leão branco e dos macacos. Isso permite momentos únicos ao lado de bichos tão lindos. 

E quem gosta de aventura não pode deixar de conhecer a Big Tower (torre de 100 metros que permite ver o mar, seguida de uma queda livre à 120 km/h), a Free Fall (uma torre equivalente a 18 andares que despenca à 90km/h e você aterriza deitado), a Star Mountain (montanha russa com dois loopings, chegando a 35m de altura e 86 km/h) e claro, a Fire Whip (primeira montanha russa invertida do Brasil que chega a quase 100km/h, passa por 5 loopings e atinge até 4,5 vezes a força da gravidade).
Mas tem muitas atrações para crianças também, viu? Tem mini montanha russa (Tigor Mountain, que é uma delícia de ir, por falar nisso), as xícaras malucas (que eu e a minha labirintite amamos), o carrossel veneziano que fica no centro da praça de alimentação e inúmeros outros brinquedos.

Uma das atrações mais faladas nos últimos tempos é o show Velozes e Furiosos que reúne carros, motos e caminhões em uma demonstração de manobras incríveis. Só vendo pra saber a sensação.

Tentei resumir um pouco de tudo, mas sei que falta muita coisa pra falar, hehehe.
Espero que tenham gostado e quero saber quem já teve o oportunidade de conhecer.
Beijocas

4 comentários:

  1. Nossa, que lugar perfeito! Ainda não conheço, mas quem sabe um dia! Adoro parques de diversões. Super beijos,

    Camila Tardelli - Blog Ruiva de Fábrica
    www.ruivadefabrica.com

    ResponderExcluir
  2. ai que saudades de ir no BCW!
    Como moro perto ja fui mais de 10x, mas agora faz um tempo que não vou!
    É muito bom n;é?
    beijinhos, Rê
    http://blogsonhosdeverao.com.br

    ResponderExcluir
  3. Aiii que vontade que eu tenho de ir lá. rs
    Agora deu mais vontade ainda mais com esse post.
    Apaixonada pelas fotos.
    Beijos!

    Blog Pam Lepletier / Vem conferir a minha coleção de saias

    ResponderExcluir
  4. Oi Amanda
    Já tive o privilégio de conhecer, há muitos anos, minhas filhas estavam com 12 e 11 anos, elas se esbaldaram e eu também curti muito.
    Vimos show com o Beto Carrero num restaurante, o desfile no final do dia e depois tornamos a vê-lo em Balneário Camboriú, onde estávamos hospedados, num desfile de marketing para o parque.
    Muito bacana, gostamos muito.
    Suas matéria ficou excelente.
    Beijos

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário com elogios, críticas, dúvidas e sugestões!
Sua opinião é muito importante para o Rendas e Paetês! :)
Agradecemos sua visita e volte sempre!

Primavera 2017: bordados florais

E não é que temos mais uma tendência chegando com tudo para as próximas estações?  Desde o verão passado os bordados estão fazendo muito ...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...