quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Do que é feito o esmalte?

Se tem uma coisa que toda mulher gosta é esmalte, não é?
Mas você já parou para pensar sobre a composição desses cosméticos?

O hábito de pintar as unhas não é nada novo. No antigo Egito as mulheres já utilizavam henna preta para adornar as mãos e as unhas. Ao longo da história o esmalte serviu como distinção de classes e as tecnologias foram sendo aprimoradas até chegar aos vidrinhos que conhecemos hoje.

E você sabe qual é a função de cada um dos componentes do esmalte?

A nitrocelulose é a responsável por criar aquele filme que recobre igualmente toda a unha. A resina confere brilho e aderência. O plastificante é o que dá a flexibilidade, impedindo que o esmalte quebre ao fazer o desenho natural da unha. Os solventes dão aquela fluidez no líquido e sua evaporação é o que garante a secagem do esmalte.
Os pigmentos, responsáveis por formar as nossas cores preferidas, podem ser orgânicos ou inorgânicos. Os inorgânicos garantem a maior variedade de cores e ficam suspensos no verniz devido ao agente tixotrópico. Esse nome difícil também explica o porque o esmalte sofre variações de vez em quando, por exemplo, quando o esmalte separa fases (ficando o óleo sobre a emulsão) e quando o esmalte cria aquelas bolhinhas indesejáveis.

Aliás, as bolhinhas no esmalte são causadas por influência do vento, do calor no ambiente ou da própria temperatura corporal. Elas se formam quando um dos solventes evapora antes dos outros. A dica aqui é segurar um copo de água gelada um pouco antes de esmaltar e evitar locais com corrente de ar.

Aqui vale lembrar que alguns desses solventes são substâncias tóxicas, como o tolueno, o dibutilftalato e o formaldeído. São comumente utilizados pelas empresas cosméticas porque aumentam muito a durabilidade do verniz nas unhas, mas a verdade é que além das alergias, também são potenciais cancerígenos. A indústria brasileira costuma utilizar seus derivados para driblar sua presença nos rótulos, mas você pode optar pelas marcas que apostam no 3 free, livres dessas substâncias.

Ajudei a desvendar mais um pouquinho sobre o assunto?
Beijocas

7 comentários:

  1. Está aí, sempre estou com as unhas coloridas, mas nunca tinha parado para pensar em como é feito o esmalte. Muito interessante esse post.
    Boa quinta-feira!
    Fica com Deus!
    Beijo!

    http://nannafonseca.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. que tudo né, otimo assunto para quem gosta de quimica kkkkkk Otimo post, muito interessante.

    Bjuuuuu
    http://www.blogjumedeiros.com/

    ResponderExcluir
  3. Post muito interessante! Nunca tinha pesquisado para que serve cada componente do esmalte.
    Falta achar um que dure mais de 24 horas nas minhas unhas! =/
    Beijo

    ResponderExcluir
  4. Nossa, que interessante! Não fazia ideia de como eram feitos haha
    Beijo

    Dicas para Todas

    ResponderExcluir
  5. Eu jamais parei para pensar!
    Mas agora que sei tudo (hum-hum rsrs), acho que deveriam colocar mais resina para durar mais! kkkkk...

    Gostei da dica do copo com água fria para não dar bolhas!

    Belo post!

    bjOO

    Blog Breshopping da Dany
    SORTEIOS Breshopping da Dany SORTEIOS
    Instagram: @breshopping_da_dany
    Twitter: @brechodanylins

    ResponderExcluir
  6. Oi Amanda,
    Achei bem interesssante o seu post. A gente vê aquelas letras miúdas nos ingredientes do esmalte, mas não tem a curiosidade de saber para que serve cada uma
    Boa noite pra vc.
    Big Beijos
    Lulu on the Sky

    ResponderExcluir
  7. Certamente, Amandinha, ajudou e muito, não sabia nada disto, ótimas informações.
    Beijinhos.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário com elogios, críticas, dúvidas e sugestões!
Sua opinião é muito importante para o Rendas e Paetês! :)
Agradecemos sua visita e volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...