terça-feira, 30 de abril de 2013

É de couro

FELIZ DIA DO TRABALHADOR!!!
Feriadinho mais que merecido, não é minha gente?

São muitos os tecidos que disputam o posto de reis da temporada outono/inverno. Mas dentre todos eles, não adianta, o couro tem todo um charme indescritível!


De um lado, a beleza e sensualidade que o couro legítimo faz o favor de mostrar. Do outro, os defensores do meio ambiente e das causas ecológicas. No meio de tudo isso, um tecido que dá o que falar por onde passa. O couro, seja natural ou sintético, é um dos queridinhos dessa época, e você com certeza tem alguma peça que o represente no seu guarda-roupa.


É importate diferenciar o couro sintético do ecológico se você possui vistas à questão ambiental! O couro sintético não possui pele animal na sua fórmula, sendo o poliuretano o composto causados da textura que remete ao natural, e inclusive, este nem poderia ter a denominação de couro, visto que não possui componentes para tal. O couro ecológico é produzido com a utilização de materiais vegetais num processo industrial que não gera grandes danos ao ambiente. Este é feito sim, da pele de animais bovinos, porém, no seu curtimento não são usados metais pesados.


Em termos de cu$tos, o ecológico é mais caro que o tradicional, e o sintético mais barato que ambos. Há quem não abra mão de uma textura legítima na sua jaqueta, mas se você não se importa muito com isso, os sintéticos dão conta do recado, perfeitamente, na hora de montar o look, viu?

beijocas.

segunda-feira, 29 de abril de 2013

Vestido com calça?

Tipo... oi? E não, eu não estou confundindo com meia calça!
Parece a pior combinação que você já pôde imaginar, mas acredite, elas estão usando, e o mais engraçado... tem dado certo!!!


Então minhas faculdades me deram uma trégua, sabe? Consegui arrumar um tempinho para dar uma ajeitada geral no blog e na vida. Minha primeira medida emergencial foi ver o que anda acontecendo nos blogs e sites especializados em moda pleo mundo a fora, não é? Aí encontrei vários posts sobre esse tema polêmico... oras, vestido e calça? tá brincando! Na hora pensei, isso deve ser antigo, 3, 4 anos atrás, mas não.. a duplinha está ressurgindo, mais uma vez, e eu quero falar sobre isso com antecedência! ahaha


Essa tendência data lá dos anos 80 (a década do tudo pode!) e se fez presentes nas passarelas de grandes marcas nos últimos anos. Foi apontada como aposta certa para o outono/inverno 2013, mas não ganhou lá muito destaque, não?
De qualquer forma, aí está ela, e não é que dá pra criar umas coisinhas legais?

E nem só de calça skinny e legging se faz essa moda. A flare ou modelos mais soltos na perna podem ser ótimas escolhas para as magrinhas criarem um efeito visual bacana! Ah, e dá para adequar a qualquer estilo! ;)

quem gostou faz barulho! ahahaha
;*

domingo, 28 de abril de 2013

Moletom, sim!

Eis o tipo de peça que está diretamente ligado com escolas, uniformes e roupas de ficar em casa, mas sabia que o moletom pode ter, sim, um jeitinho fashion?

Espia aí!

Se for preciso dissertar sobre qual é a verídica tendência do momento, não teria dúvidas em dizer que é o conforto! As mulheres cansaram um pouquinho de ter que fazer sacrifícios para aparecerem belíssimas em público. Existe algo mais confortável que um moletom? (só uma pantufa claro, mas vamos com calma por favor!) E então, de repente, uma série de fashionistas resolveram apostar na peça com olhares tendenciosos.


Primeiramente, o modelinho em verde ou cinza da Kenzo, apontado como uma das maiores tendências do ano passado. Dá pra dizer que esse foi o estopim para liberar geral e mandar ver no moletom!
E olha se não citei até a Olivia Palermo como referência.. meu bem, é sério o negócio, pode apostar no blusão sem medo!


Seja num estilo mais despojado ou mais chique, dia-a-dia ou noturno, com salto alto ou tênis... Ele dá uma espantada no frio e de quebra deixa as recalcadas babando porque você conseguiu combinar o normalzinho num look lindão!


Então... moletom era sua roupa de ir pra academia?
Salva ele dessa vida e monta um look bacana para curtir a semana! ;)
beijocas

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Criança Fashion

Ando vendo cada imagem maravilhosa no Facebook dessas crianças liiiiiindas e super bem vestidas que resolvi fazer mais um post sobre isso!


Não quero ser repetitiva e fazer todo aquele discurso moralista sobre a moda infantil. Acho que já debatemos muito a respeito!
A ideia de hoje é só passar o final de semana babando por essas coisas mais lindaas *-*



Que coisa mais linda, não é gente??
Espero que o final de semana de vocês seja assim, repleto de fofuras!
Beijooocas!


quarta-feira, 24 de abril de 2013

Destroyed!

Parecia ser passageiro e digníssimo dos shorts de verão, mas a moda do destroyed continua beeem viva!

Depois da febre dos shorts customizados, chegou o outono, hora de atenuar os comprimentos curtos e o coloridão. Só que aí, centenas de mulheres descobriram que amaram usar peças podrinhas, e não pretendem se importar com a estação para investir no destroyed. Pode isso? Claro que pode! Dá uma olhada nesses looks...


Eu particularmente acho que o outono, por ainda não fazer toooodo aquele frio, combina super bem com looks podrinhos. Sejam calças rasgadas, blusinhas de ombro caído, largadas, e um coturno aberto pra finalizar.
O jeans ficou como marca registrada do destroyed, e pode compor lindamente até os looks mais sérios e cheios de pose! Basta combinar com uma camisa mais alinhada ou um blazer, e saltos altos.


E não precisar ser calças e shorts rasgados, necessariamente. Dá uma olhada nessas blusinhas super despojadas, que são ideais para o look nosso de cada dia ;)

Quem curte levanta a mão! o/

beijocas!

terça-feira, 23 de abril de 2013

De crucifixo

Já tivemos a oportunidade de falar sobre cruzes e a tendência toda que as envolve. 
Mas o que vem realmente chamando a atenção nos sites de streestyle e looks do dia são os colares de crucifixo.


A história da imagem da cruz é pra lá de antiga, referindo-se principalmente a religião, porém, tempos pra cá  ela se tornou um ícone fashion e tem feito um imenso sucesso em peças de roupa e acessórios.


Hoje o destaque fica  para o colar, que além de charmoso é uma belíssima pedida para o outono.
Combine com peças escuras, sombrias, neutras, principalmente no estilo mais rocker, gótico e com personalidade.


Prefira sempre utilizá-lo com peças lisas ou estampas discretas.

Quem curte?
beijocas. ;*

segunda-feira, 22 de abril de 2013

Por um guarda-roupa versátil!

Ganhei um livrinho de bolso da minha mãe na semana passada, cujo nome diz tudo: "Manual do Estilo - Guia para toda hora"! Dando uma passada de olhos, não tenho tido lá muito tempo pra ler, encontrei um subtítulo repleto de dicas sobre versatilidade no guarda-roupa, o que dá uma ajuda e tanto pra gente!

Inspirada nisso, venho dissertar sobre e ajudar você a dar uma organizada legal nas suas peças! ;)

1. Comece destinando tudo aquilo que não for roupa. calçado e acessórios para seus devidos lugares. Use o velho armário da garagem ou o quarto de depósito (que casa não tem um, não é?), para deixar tudo aquilo que você não veste, como os materiais esportivos, a papelada do colégio ou da faculdade, caixas com traqueiras, jogos, etc, etc etc. Partimos do princípio de que seu guarda-roupa guarda somente roupas, ok?

2. Desça as prateleiras e selecione tudo que tem. Separe as peças que não usa mais e estão indo para a sessão desapego, tal como as peças que você ainda não mandou arrumar na costureira. Retire também as peças que estão lá por engano, dobradas ao invés do cabide, meias que deveriam estar na gaveta ou peças que precisar ser lavadas e passadas. Perca o medo de dispensar o que está ali na sua frente, mas que bate aquele dózinho de passar para o próximo. Ah, sim, aquilo que você não usa mais pode ser doado para uma campanha de agasalho (ainda mais no inverno) ou para um parente próximo (quem nunca?).

3. Não é necessário bancar a revolucionária. Se desfazer de algumas peças não significa sair jogando tudo fora, ainda mais se você for do tipo apegada, vai chorar rios até conseguir mandar grande parte das coisas não usadas embora. Em vez disso, selecione e guarde as peças inúteis no maleiro, ou mesmo dentro de uma mala. Isso vai libertar um espaço para que você guarde o realmente necessário.

4. Para saber quando o seu guarda-roupa está mesmo organizado e nos conformes, você deve poder visualizar todas as peças que possui. Somente isso pode garantir a versatilidade, possibilitando diversos looks e combinações, simplesmente porque você consegue ter noção do que tem e do como usar.

5. Saiba os motivos da sua desorganização e trabalhe-os. Muitas vezes compramos alguma peça por impulso e ela não conversa com nada que já temos, assim como guardamos outras porque achamos que vamos emagrecer ou que determinada moda vai voltar em breve. Até concordo em parte, mas a realidade é que essas atitudes nada contribuem com um guarda-roupa inteligente e versátil. Só guarda uma peça se ela realmente possuir um valor interessante e um dia se tornar vintage, chiquérrima!

6. Por fim, adeque suas roupas ao seu estilo de vida, pouco a pouco ele fará mais sentido e, consequentemente, lhe fará mais feliz também! ;)

São dicas simples mas valiosas, ok?
beijocas!

domingo, 21 de abril de 2013

Inspirações - Stripes

Resolvi começar a semana com essa febre temporária das listras. Temporária sim, porque mesmo sendo o preto e branco um clássico, ela cansativa aos olhos quando vistas por muito tempo.
Mesmo eu achando que a tendência tenha data de validade bem próxima, cá estão algumas inspirações para as fashionistas aí por trás da telinha.




Mas se listras são atemporais, porque diabos você está dizendo que elas te prazo de validade, Amanda?
Listras são realmente atemporais, porém, a moda do P&B ao extremo nas listras pegou demais, e a consequência disso é o uso exagerado quase que cotidiano, o que cansa super rápido e em breve deverá ser repaginado para voltar ao ar de sua graça. 



A intenção do post é mostrar que muito além da calça beetlejuice, dá pra ser feliz com outras peças em listras p&b ;)

beijocas.

quinta-feira, 18 de abril de 2013

O queridinho da vez: salto bloco

Volta e meia aparece alguma charme a mais numa peça que acaba se tornando mania. A vez agora é a do salto bloco para sandálias, sapatos e botas :)


Quadradão, grosso e cheio de personalidade!
O salto bloco veio para dar um tempo no tradicional agulha, mantendo o requinte e, principalmente, repaginando os looks.
Modelo Schutz
Dentre suas vantagens estão o conforto, o visual e a versatilidade, tão importantes no nosso dia-a-dia!

Eles foi super utilizado nos anos 70 e 80, quando os saltões altíssimos e finos ainda não tinham muita chance com elas. Além da estabilidade ao caminhar, ele tem uma pegada vintage que ajuda bastante pra compor looks no estilo. 
E olha só, tem um montão de marcas famosas investindo no queridinho da estação, vale a pena dar uma passadinha na sua loja preferida pra conferir!

Além das sandálias e dos sapatinhos, as botas também têm aparecido com esse tipo de salto. O que é ótimo, já que no inverno a praticidade é tudo na vida, e deve estar aliada ao quentinho.

O bonitinho também é conhecido como "block heel" e está amplamente difundido no exterior em saltos bem mais altos. Porém, aqui no Brasil, definimos o bloco como uma altura média, primando pelo conforto.


Agora é só investir nas aplicações e bordados que estão em alta e, tcharam! *-*

beijocas.

quarta-feira, 17 de abril de 2013

Turma da Mônica na passarela

O Fashion Rio começou com tudo!

A segunda semana de moda mais esperada do Brasil trouxe uma série de coleções lindíssimas para o verão 2014, mas o que acabou mesmo chamando a atenção por aí foi a marca Apoena, que homenageou os 50 anos da Turma da Mônica. 


 Acredito que esse desfile tenha me chamado tanto a atenção porque sempre fui apaixonada pelos gibis dessa turminha fofa. Era daquelas que ia todos os sábados na banca para comprar um livrinho novo, e terminava de ler no mesmo dia. Uma semana depois, relia tudo de novo!
Lembro-me também de ter tido uma blusinha com desenhos de quadrinhos, e a amava demais. Quando vi as estampas que os próprios desenhistas do Maurício de Souza produziram, achei o máximo! *-*


Não podia ser mais especial. Na primeira fila, o próprio Maurício de Souza e sua filha, Mônica de Souza, a responsável por tudo isso, hehe. Na passarela, Adrina Birolli e Duda Nagle, além de um grande casting de modelos sorridentes (e eu gosto de modelos sorridentes num desfile de causa com essa)
Ainda por cima, as peças foram confeccionadas e bordadas por moradoras de comunidades carentes do Distrito Federal, que reproduziram lindamente estampas, transparências, alfaiataria e caimentos diferenciados.


Em entrevista ao GNT, Maurício contou que optou pelo vestido trapézio para a personagem pela facilidade de desenhar, já que pretendia contar muitas histórias com a mesma, e ainda era tempo dos desenhos à mão livre. Ele ainda aproveitou para dizer que acha que a Mônica deveria mudar de visual para dar uma modernizada, e ainda prevê mais parcerias de moda em breve!



Bacana, não é?
O que mais estão vendo e curtindo no Fashion Rio?
beijocas

terça-feira, 16 de abril de 2013

Alfaiataria - a moda do outono

Essa semana estou empolgada para falar de estilos e de outono, como vocês puderam perceber, hehehe.
Hoje, em especial, dedico esse post para a eterna e elegante alfaiataria.


A arte da alfaiataria tem início lá na Europa dos séculos XII e XIV, referindo-se ao fato de cortar e costurar tecidos. Nessa época, costumava-se esconder o corpo, tendo vistas à repreensão da Idade Média. Porém, no Renascimento, o resgate as formas do corpo se tornaram muito mais acentuadas, tornando necessária a adaptação das peças tão grandes do período passando, através de recortes e de costuras. Assim nasceu a Alfaiataria e todos os seus encantos, tanto para a moda masculina quanto para a feminina.
Primeiramente, o alfaiate era aquele que arrumava suas próprias roupas, mas com o passar do tempo, esse chegou a característica de tecelão. Assim, a profissão ficou reconhecida pelos trabalhos prestados à moda da sociedade.


Hoje, a alfaiataria não designa somente as peças feitas pelo profissional alfaiate, como também peças que acabaram criando um vínculo nas características desse trabalho (o que eu acho um pouco triste e desmerecedor, mas não vem ao caso...). São calças, shorts, vestidos, saias e ternos compostos cuidadosamente por costuras bem trabalhas, finamente acabadas, com tecidos nobres e estampas clássicas.


E porque que é que a Alfaiataria combina tanto com o outono?
Simples... Porque a sua seriedade é inigualável, fazendo parzinho com as tardes cinzentas, chuviscos e dias frios. E embora a moda seja mais descombinar do que combinar... sabe né? As vezes é legal, e prático!!!

Beijocas

segunda-feira, 15 de abril de 2013

Botinhas para investir

Não sei aí na cidade de vocês, mas aqui no Sul o frio chegou de vez. Já geou, já fez temperatura negativa, já teve lençol térmico sendo ligado e lareira acesa, hehehe.
E nada melhor para complementar esses dias gelados, do que pézinhos bem quentes e estilosos! ;)


São vários os modelos que vão fazer a cabeça das "rendetes" nesse outono, quer ver?


O estilo Western vem com tudo, porém, beeeem remodelado! A botinha da vez, que anda gerando suspiros nas fashionistas, é a famosa Milwaukee, toda trabalhada nos bordados ou aplicações, e seguindo o modelo bem cowboy, o que nada tem a ver com sair vestida de peão de boiadeiro, hein... O modelinho é próprio para compor um look boho chic, despojado e despretensioso. 


Eis que a moda militar pegou de vez, e para fechar um lookzinho diferenciado, porque não o bom e velho coturno? Confortável, estiloso e versátil, a botinha de cadarços não combina com uma produção certinha ou mais formal, por isso, são perfeitas para o dia-a-dia! Ah, nesse estilo também vale o bom senso. Nada de sair como um soldado por aí, vamos dar uma maneirada no camuflado, ok?


Essas botinhas também são do tipo "causadoras de discórdia", já que muita gente acha meio cafona, mas... Cafona ou não, elas estão em alta, e sabendo usar dá pra arrasar no look. A principal característica delas é aquela partezinha de elástico lateral, sabe? E uma das maiores dificuldades para usá-las está no efeito visual, já que algumas cores podem achatar o corpo. Para ficar mais longilínea, invista numa chelsea com o mesmo tom da calça, da meia calça ou da pele, caso use com vestido! ;)

beijoquinhas friorentas! :*

domingo, 14 de abril de 2013

É hora do tule!

Tecido de bailarina? Que nada...

De demodê às passarelas, o tule sofreu um preconceito imenso tempos atrás, até que várias boas almas resolveram resgatá-lo do fundo do baú e modernizaram de vez esse tecido que, agora, compõe lindamente diversos looks.


Quase que exclusivo dos vestidos de festa, o tule foi utilizado por muito tempo como anágua, somente para dar volume sob outro tecido. Agora que ganhou seu espaço, ou melhor, que elevou seu cargo, tem dado as caras frequentemente nas maiores premiações e eventos de gala.


Agora vem a boa notícia... Ele que sempre serviu para fazer volume, pode também ser empregado em outros vários efeitos, até mesmo dando caimento e ajustando ao corpo. Tudo depende de como você pretende utilizá-lo.
Para um super volume princesa ou bolo de noiva, tule em forma de babados ou em várias camadas é a solução. Para ajustar ao corpo, uma camada simples de tecido confere ainda transparência e pode ser bordado ou com aplicação de pedrarias. Também é perfeito para fazer a famosa calda de sereia com um volume bonito.


Longos ou curtos, volumosos ou ajustados, armados ou com caimento. A versatilidade do tule promete continuar com tudo nos modelos festivos, sendo uma ótima opção para as formandas, madrinhas de casamento, ou até mesmo, as próprias noivas. Nada mais clássico, não é?


Porém, como nem tudo são flores, é importante tomar alguns (vários) cuidados para não errar no uso desse tecido, que pode sim, ser traiçoeiro!
- Tá um pouquinho acima do peso? Descarte o tule! Como ele tem tendência a armar ou dar ainda mais volume, pode te deixar com alguns quilinho a mais visualmente
- Mesmo para as magérrimas, o volume extremo na saia de um vestido curto pode pegar mal, criando uma bailarina frustrada. Evite!
- Transparência excessiva, muitos bordados ou apliques podem consumir com todo o efeito do tule, acabando com o visual. O segredo do sucesso é a moderação.
- Evite tons muito parecidos com o da sua pele. Não realçam sua beleza natural, e te deixam bem apagadinha.

Recado dado?
Eu sou apaixonada *-*
beijocas

Tendência: casaco de pele

Para dar a largada no inverno de 2017 , vamos falar de uma tendência bem quentinha que sempre ressurge nessa época do ano! As peles estão ...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...